Dando Nota

Rodrigo Alves

Em tempos de crise

ferias-01

Publicado no Jornal de Piracicaba em 15 de janeiro de 2016
Caderno Cultura – Página 2

Tenho a agenda livre dias antes do Natal. Sigo para um happy hour numa tradicional steakhouse da cidade. Duas horas depois, na saída, a fila à espera de uma mesa é quilométrica.

Vou ao shopping. Levo 15 minutos para estacionar. O movimento é grande nos corredores e lojas. As pessoas se acotovelam para garantir a roupa amarela do réveillon. Mãos cheias de sacolas.

A praça de alimentação está abarrotada. Duas moças conversam sobre economia. Uma delas faz planos. Quer trocar o Citroën Aircross, adquirido há um ano, pelo SUV da Jeep, o Renegade, cujo modelo de entrada é R$ 68.900.

Chego em casa e ligo a TV. A repórter do telejornal fala da conjuntura nacional. Salvador, Rio de Janeiro, Vitória e outras cidades turísticas estão 100% ocupadas. Brasileiros e gringos curtem a queima de fogos. A máxima é pular as sete ondinhas, pedir uma grana extra a Iemanjá para 2016.

Que tal um giro pelas rodovias no litoral, na volta do feriadão? Imigrantes: 11 km de lentidão. Mogi-Bertioga: 12 km de congestionamento. Rio-Santos: 77 km. Na volta de São Vicente, Praia Grande, Mongaguá, Itanhaém e Peruíbe (os destinos mais populares) são 35 km.

E o Natal, como foi? Faltou peru, uva passa, frutas cristalizadas? A criançada ficou sem presente? As vendas caíram 1% em relação ao ano passado nos shoppings centers, indícios que a economia no Brasil sofre estagnada, atestam os economistas. Já o comércio eletrônico comemorou aumento de 26% nas vendas. Notinha ao final da reportagem, sem muitos detalhes.

O mesmo telejornal mostra que os aficionados por música terão menu farto em 2016: shows de David Guetta (R$ 260), Rolling Stones (R$ 440), Simply Red (de R$ 200 a R$ 600) e o Lollapalooza (R$ 800, já no terceiro lote). A banda Coldplay também tocará no Rio e em São Paulo, mas as vendas para os ingressos no site da Time For Fun se esgotaram na mesma madrugada em que começaram, com valores entre R$ 200 e R$ 700.

Ainda no quesito cultural, que tal aproveitar as férias escolares para conferir os blockbusters e filmes água-com-açúcar nos cinemas? Opções é o que não faltam, e filas também. E mais uma vez engrossamos as estatísticas da crise, em plena era Netflix: as bilheterias brasileiras tiveram crescimento de 12,5% no primeiro semestre. Faz uma década que o mercado está em alta. Aumento de 19,3% na arrecadação entre 2014 e 2015.

Começa a tradicional retrospectiva da TV. Política, crise, brigas, escândalos. A pauta ignora fatores importantes, econômicos e sociais, mas nada que seja ocultado na internet: a taxa de pobreza extrema na última década teve redução de 63%, segundo o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). O Brasil se mantém como o terceiro país mais atrativo para investidores internacionais, atrás apenas da China e da Índia.

A “apresentatriz” lembra que o dólar chegou na casa dos R$ 4. Mas que tal dizer que, ainda assim, tem gente indo a Miami Beach engordar as estatísticas e que o Brasil está no topo do ranking de visitantes estrangeiros no paraíso das compras na Flórida? Afinal, nada como uma tarde na Lincoln Road acompanhado do melhores mojitos para esquecer os problemas e recarregar as energias!

Se o consumidor brasileiro continuar desta forma, ignorando a crise proclamada pelo comércio, pela indústria e pela imprensa, Lula será alçado a grande pensador contemporâneo destes tempos turbulentos, com direito a placa condecorativa gravada com seus próprios dizeres: “a crise é que nem diarreia, vai passar”.

Um comentário em “Em tempos de crise

  1. papocomcris
    15 de janeiro de 2016

    Republicou isso em Papo com Crise comentado:
    Eis um texto que merece ser compartilhado. MInhas impressões são exatamente as mesmas. Parabéns ao jornalista Rodrigo ALves pela forma como abordou o tema ‘crise’.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado às 15 de janeiro de 2016 por em Opinião e marcado .

Tradutor

Receba notificações de posts por e-mail.

Follow Dando Nota on WordPress.com

Instagram

#PiraParade #Piracicaba250anos Festa na roça #piracicaba250anos Jornalista sendo jornalista até no bar! Eu pagando de tímido e sendo flagrado no Leblon Janelas do Tempo, exposição aberta hoje na Acipi, promovida pela Câmara de Vereadores de Piracicaba, para comemorar os 250 anos da cidade. #piracicaba250anos Como é bom ser criança! Lorenzo empolgado com a coleção de minions! Aquecendo com a #MinhaOSP A Arte em Bronze, exposição que será aberta nesta sexta-feira, 7, na Pinacoteca Miguel Dutra, às 20h, reúne obras de 34 artistas do Brasil e do exterior. Visitas até 29/7, de segunda a sexta, das 8h às 17h. Entrada gratuita. #Piracicaba250anos
%d blogueiros gostam disto: