Dando Nota

Rodrigo Alves

A mídia pecou na visita do papa ao Brasil

erasmo spadotto

Publicado no Jornal de Piracicaba em 2 de agosto de 2013

Ilustração: Erasmo Spadotto

A vinda do papa Francisco para a Jornada Mundial da Juventude movimentou o Brasil. Jovens, adultos e idosos alteraram o clima das terras cariocas durante a estadia da autoridade católica. Se dispusesse de recursos financeiros e disponibilidade, certamente iria ao Rio de Janeiro, mas ante tais limitações acompanhei a cobertura pela imprensa. O susto foi grande ao perceber que os veículos de comunicação levaram muito a sério a expressão “habemus papam”.

Para não correr o risco de ser mal interpretado, expresso minha profunda admiração pelo argentino Jorge Mario Bergoglio, que possui uma postura que cativa os diferentes setores da sociedade, incluindo o público que professa outros credos. Francisco é o líder religioso no momento certo da conjuntura mundial. Portanto, minha crítica é como profissional da comunicação, distinta do pensamento como cristão.

De Ana Maria Braga e seu Louro José, do Bom Dia Brasil ao Jornal da Globo, da TV a cabo ao sistema UHF, a notícia entre 23 e 28 de julho respondeu pelo nome de Francisco. A chegada do papa ao Brasil foi reprisada de hora em hora na Globo News, que escalou teólogos, padres e bispos para tecer comentários ao vivo na programação. Diga-se de passagem, algumas considerações soaram óbvias demais para quem frequenta a igreja e certas interlocuções dos jornalistas da casa mostraram total desconhecimento para os assuntos religiosos.

Outros produtos de maior peso na emissora global também foram deixados de lado, caso do Grande Prêmio da Hungria de Fórmula 1, trocado pela transmissão ao vivo da missa dominical em Copacabana. Talvez tenha sido um dos primeiros domingos sem a chatice do Faustão, que saiu do ar para dar espaço a Renata Vasconcellos. A âncora do Bom dia Brasil entrou com sua voz aveludada para narrar cenas em câmera lenta do último aceno de Francisco.

De todas as transmissões ao vivo, a que ficou mais gritante a interferência da Globo foi a Via Crucis, realizada na praia de Copacabana no sábado (27). Assim, os papéis de destaque na encenação foram concedidos às estrelas Tony Ramos, Cássia Kiss, Eriberto Leão e Ana Maria Braga (desta vez o Louro José ficou em casa). Difícil imaginar diferente, pois a concepção cênica da montagem teve assinatura de Ulysses Cruz, um dos diretores do Criança Esperança.

Pode soar como teoria da conspiração, mas a amplitude da cobertura pode ter sido a moeda de troca entre Globo e Vaticano, que deu ao Fantástico o privilégio da primeira entrevista de Francisco após assumir o papado, anunciada como furo de reportagem mundial. Muito bem conduzida, com ótimas perguntas e conteúdo relevante, a entrevista deve ter engordado o olho de gigantes como The New York Times, Washington Post, CNN e BBC.

Os excessos não ficaram restritos ao universo televisivo. Na web, onde domina a velocidade da informação, brotaram também verdadeiras pérolas jornalísticas. A edição on-line de 28 de junho da Revista Exame trouxe a relevante notícia em destaque: “McDonald’s será a rede oficial do Papa Francisco no Brasil”. O título é no mínimo inusitado e nos remete a Francisco com alguns quilinhos extras na estadia pelo Brasil. No Uol, uma chamada dava a conotação que o sumo pontífice teria poderes sobre a temperatura da Terra: “Sol volta a aparecer no Rio após pedido especial do Papa Francisco.”

É certo que uma autoridade de tamanha grandeza mereça todas as honras da casa, mas o noticiário tornou Jorge Bergoglio onipresente. É como se as empresas jornalísticas, na luta diária por audiência, tivessem sucumbido ao pecado capital da gula. Seduzida pelo carisma inigualável de Francisco, foram sedentas ao banquete e o devoraram em demasia. Mas, a indigestão pode ter ficado para o público.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Tradutor

Receba notificações de posts por e-mail.

Follow Dando Nota on WordPress.com

Instagram

#piracicaba250anos #PiraParade #Piracicaba250anos Festa na roça #piracicaba250anos Jornalista sendo jornalista até no bar! Eu pagando de tímido e sendo flagrado no Leblon Janelas do Tempo, exposição aberta hoje na Acipi, promovida pela Câmara de Vereadores de Piracicaba, para comemorar os 250 anos da cidade. #piracicaba250anos Como é bom ser criança! Lorenzo empolgado com a coleção de minions! Aquecendo com a #MinhaOSP
%d blogueiros gostam disto: