Dando Nota

Rodrigo Alves

Festival de Música Erudita segue com concertos gratuitos no fim de semana

Alunos de cello da professora Lilit Kurdiyan | foto: Rodrigo Alves

Alunos de cello da professora Lilit Kurdiyan (à frente) | foto: Rodrigo Alves

Por Marcela Delphino

Aberto no domingo (21), o 4º Festival Internacional de Música Erudita (Feimep) segue neste fim de semana com programação gratuita de concertos no Teatro Municipal Erotídes de Campos, no Engenho Central. Na sexta-feira (26), às 20h, a Orquestra Sinfônica de Americana se apresenta sob regência do finlandês Ville Mankkinen e participação de Álvaro Henrique ao violão. No repertório, Jean Sibelius, Calimério Soares e Heikko Suolahti. Os ingressos podem ser retirados com uma hora de antecedência.

Composta por 32 instrumentistas, a Orquestra fundada em 1985 se dedica à formação de público, difundindo a música em várias tendências e estéticas. “É com grande alegria que trazemos para o Feimep músicos com objetivos comuns aos do próprio festival, ou seja, democratizar a música clássica”, comenta o coordenador artístico e pedagógico André Micheletti.

Ville Mankkinen é regente titular e diretor artístico da Wasa Sinfonietta. Ele já se apresentou como regente, solista, camerista e músico de orquestra no Brasil, Europa e Estados Unidos. Mankkinen concluiu o mestrado com especialização em regência orquestral na Universidade Metropolitana de Ciências Aplicadas em Helsinki. Atualmente, aperfeiçoa-se em regência orquestral com Toomas Kapten, na Academia Estoniana de Música e Teatro, em Tallinn.

No sábado (27), às 20h, é a vez dos alunos do Feimep e instrumentistas mirins da Amorfipi (Associação Amigos da Orquestra Filarmônica Infanto Juvenil) subirem ao palco. Após uma semana de masterclasses dentro da programação pedagógica do festival, os jovens músicos interpretam obras de Bach, Handel e Mendelsson sob regência de Winfried Mitterer. Durante a semana eles foram orientados por Nathaly de Los Ángeles, Cecilia Patricia Vaca Merino e Winfried Mitterer, vindos do Equador.

Quem comanda o concerto de encerramento da quarta edição do Feimep é o maestro Ernst Mahle, que assume no domingo (28), às 11h, a regência da Orquestra Acadêmica do Festival. Obras-primas de Handel, Tchaikovsky, Mendelsson e Britten compõem o repertório desta última apresentação, que será finalizada pelo célebre Hino de Piracicaba, composto por Newton de Almeida Mello.

A SEMANA – O 4º Feimep foi aberto no domingo (21) pelo jovem tenor Jean William, revelação do canto lírico nacional. A programação contou também com emocionante apresentação da Orquestra Sinfônica de Piracicaba, na segunda-feira (22), regida por Micheletti. O instrumentista estreou como regente na primeira apresentação da orquestra após a morte de Egildo Pereira Rizzi, aos 76 anos, em dezembro do ano passado.

O Feimep teve, ainda, concertos do eclético Ricardo Herz Trio e dos professores do festival. “É um enorme privilégio para Piracicaba ter a possibilidade de desfrutar de uma programação tão rica de concertos, com instrumentistas talentosos de nossa região e também músicos vindos de diversas partes do mundo”, afirma a secretária municipal da Ação Cultural, Rosângela Camolese.

CONCEPÇÃO – O festival visa ao desenvolvimento de novos músicos, ampliando, sobretudo, as práticas culturais na região. Além da programação artística, 170 alunos de todo o país participam de masterclasses de violino, viola, violoncelo, contrabaixo e piano com 13 professores renomados do Brasil e do exterior, vindos da Alemanha, Canadá, Estados Unidos, Armênia, Coréia, Moscou e Equador. “A proposta é a de trazer a música erudita para Piracicaba em um nível internacional, com crianças e jovens de todo o Brasil em contato com professores dos grandes centros musicais”, aponta Micheletti.

Em 2013, professores e alunos também percorrem durante a semana instituições de Piracicaba na realização de concertos sociais no Lar dos Velhinhos, Hospital dos Fornecedores de Cana, Casa do Bom Menino, Centro do Câncer Francisco Cunha Filho (da Santa Casa de Piracicaba) e Centro de Reabilitação.

O Feimep é realizado pela Prefeitura de Piracicaba, por meio da Secretaria Municipal da Ação Cultural; Jornal de Piracicaba, Revista Arraso e Associação Amigos de Mahle. O patrocínio é da Elring Klinger e do Colégio Piracicabano. São apoiadores a Associação de Cultura Artística de Piracicaba (Acap), Secretaria Municipal de Educação, Escola de Música de Piracicaba Maestro Ernst Mahle (Empem), Ensino Médio Integral Escola Estadual Sud Mennucci, Conserv Engenharia e Simespi.

SERVIÇO – 4º Feimep, de 21 a 28 de julho, no Teatro Municipal Erotídes de Campos (Parque do Engenho Central). Entrada gratuita. Informações: (19) 3413-8526, http://www.facebook.com/IVFeimep ou http://www.feimep.com.br.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Tradutor

Receba notificações de posts por e-mail.

Follow Dando Nota on WordPress.com

Instagram

#piracicaba250anos #piracicaba250anos #PiraParade #Piracicaba250anos Festa na roça #piracicaba250anos Jornalista sendo jornalista até no bar! Eu pagando de tímido e sendo flagrado no Leblon Janelas do Tempo, exposição aberta hoje na Acipi, promovida pela Câmara de Vereadores de Piracicaba, para comemorar os 250 anos da cidade. #piracicaba250anos Como é bom ser criança! Lorenzo empolgado com a coleção de minions!
%d blogueiros gostam disto: